Postagens

Sobre morar em São Paulo

Imagem
  Há quem ame. Há quem odeie. De fato, para viver prazerosamente em Sampa, é preciso optar. E então aceitá-la como é. Não tente mudar as coisas por aqui. “Ah, se o trânsito fosse diferente!”, “Poxa, que clima zuado.”. Se essa for sua atitude frente à cidade, esquece. Vá embora o quanto antes ou nem venha. São Paulo é como aquele primo divertido, descolado, mas sem rumo na vida: não tem jeito. É o que é . Sampa é uma terra sem fim que não pode ser controlada. Há um ar de liberdade difícil de sentir em outros lugares. Liberdade de ser brega, antiquado, moderno, displicente, de andar na moda. Há gente de todo balaio. Julgar o próximo não tem efeitos por aqui. Ninguém dá a mínima para a sua opinião . Os novatos, recém-chegados, podem até trazer resquícios de que se importam, mas aprendem rápido a fingir que não estão nem aí. Vai ter gente totalmente agasalhado em dia de sol ou vestindo bermuda e camiseta em pleno inverno sim. Tu também vai encontrar alguém de óculos de sol em dia de ch

Minha empresa gera receita, mas não vejo a cor do dinheiro

Imagem
https://www.pexels.com/pt-br/@fauxels Obs: Este texto foi feito a partir do conteúdo do vídeo da empresa 4Blue . É extremamente frustrante dedicar tanto tempo e e sforço para fazer um negócio dar certo e de repente perceber os objetivos indo por água abaixo . Mas antes de jogar a toalha, que tal avaliar se você não está cometendo um dos seguintes pecados mortais do empreendedorismo? Por exemplo, nem sempre vender mais é sinônimo de dinheiro na mão. Ficou surpreso? Pois é, o volume de vendas é um dos caminhos da rentabilidade, porém erros na gestão financeira podem significar exatamente o contrário. Depois dessa, acho que você já está pronto para encarar umas verdades. Dentre os principais fatores que podem afetar negativamente sua lucratividade, está a DESPESA ALTA , composta por dois principais elementos: junção das finanças pessoais com as do negócio (aquela prática que sabemos ser errada, todavia sempre deixamos para resolver amanhã) e falta de controle financeiro (sim, uma pl

A pandemia em outra perspectiva

Imagem
Há quem veja o copo meio cheio e há quem o veja meio vazio. A pandemia do Corona vírus certamente intensificou o comportamento desses dois tipos de pessoas. Quem sempre preferiu reclamar da vida e achar um culpado para os seus próprios problemas, encontrou no distanciamento social a razão perfeita para continuar suas lamúrias. Ao passo que, os aventureiros, também atônitos com essa nova realidade, optaram por usufruir do lado bom. O tempo de sobra estimulou a criatividade, a troca de caminhos, a mudança de hábitos. Quantos finalmente iniciaram a prática regular de exercícios, decidiram aprender um novo idioma ou tocar um instrumento. Há os que mudaram de emprego , de carreira ou até de país. Conheço quem deixou a família e quem começou uma. E há quem diga que a ociosidade é um mal. Depende de quem usa. Pensar e repensar a vida deveria ser um hábito daqui em diante. O excesso de trabalho e de compromissos funciona bem no modelo industrial de Ford, porém impede o simples ato de viver

Please reach goals throughout your lifetime

Imagem
Have you ever thought about doing something that would change your life completely? Well, there are many ways you could do it. For some people, it is all about finding a new job, moving to a different city, or getting into college. Others would prefer to become a missionary abroad or buying a house. Actually, it is difficult to define what is big and what is small change. It depends on so many factors, such as background, life experiences, and references. Although, for all kinds of changes there is a common dominator: desire.  Truly, I would like to say that wishing something is enough to accomplish anything, however, we know it is not really like that. Here is where there is a division between people who do transform their lives and the ones who do not: effort. While the recipe is quite simple - desire and effort - the everyday work might not be so manageable. If you want to be a writer, for instance, it is easy to imagine your book published and hitting the list of top ten best title

Caso "João de Deus" revela um lado obscuro da cultura brasileira

Imagem
Foto: TV Brasil As denúncias de abuso sexual contra o médium espírita, popularmente conhecido como “João de Deus”, embora chocantes, demonstram resquícios de uma cultura patriarcal e machista em que, durante séculos, homens poderosos dominaram e submeteram mulheres a situações humilhantes para satisfazer seus próprios interesses. João Teixeira de Faria ainda teve a seu favor o disfarce religioso, outra suscetibilidade brasileira. Um plano perfeito para que pudesse satisfazer sua perversidade sexual em um contexto no qual homens sempre tiveram aval para exercer domínio violento sobre as mulheres. Os casos demoraram a vir à tona porque as vítimas acreditavam que cada ocorrência era um fato isolado, o que tornaria um cenário de punição bastante utópico. E João estava ciente disso, afinal, ainda que uma ou outra denúncia fosse feita, o médium era aclamado pelos moradores de Abadiânia (GO) por ter transformado a cidade em um ponto turístico extremamente rentável. Cientes de que

O aprendizado da derrota

Imagem
Não é fácil lidar com a derrota. Na verdade, considero essa umas das coisas mais difíceis da vida. Quando você se empenha por um período, seja anos ou dias, para atingir um objetivo, mas no fim o destino parece não colaborar, e a sensação de fracasso se torna inevitável. Ainda que a sessão de autoajuda nos influencie a acreditar que o fracasso só cabe àquele que nunca sequer fez a tentativa, na prática, a teoria não se aplica tão bem. Acompanhar a trajetória da Seleção Brasileira nessa Copa do Mundo foi relevante para mim, nesse momento da vida. Destacou o fato de que estamos sujeitos ao erro, ainda que haja a inicial certeza de que o passo dado foi certeiro. Às vezes, o esforço pessoal, os dias e noites de trabalho, as tentativas constantes de chegar ao resultado esperado não são suficientes para nos garantir uma vitória, seja na vida ou numa competição. Em outros momentos, esse período intenso de empenho nos apresenta outras consequências possíveis. Talvez tenhamos dispe

Back to my home country

Imagem
It is not always easy to come back home after living abroad. Even though you are excited to meet your relatives and friends, this is a moment of turbulence since you are leaving behind the most incredible experience you have had. Often, we create a life in the new place, meeting friends who become our family, getting a new job, finding new hobbies. Sometimes we even change a bit our personality, because we depending on being nicer and stronger to survive. Although you might enjoy the weather in the new place, you probably are not used to, and this also changes how you react to any situation. In the end, you have become a different person, with new habits and opinions, but, suddenly you are back to the past. You are home again where a new version of yourself has to interact with old memories and attitudes. Nobody can run away from this shock, after all. You are feeling confused with all the old behaviors as a response to the old actions. So, what to do if you have got diffe