A arte de cozinhar... Mesmo sem saber

By quarta-feira, dezembro 04, 2013


Não, esse não é um texto para aprimorar seus conhecimentos em culinária e nem de dicas profissionais para que você comece a cozinhar. Provavelmente sou tão leiga em termos de gastronomia quanto um engenheiro, no entanto recentemente descobri que cozinhar não é tão difícil. Isso, claro, fazendo referência à comida caseira e cotidiana. Longe de mim afirmar que produzir aqueles pratos mirabolantes é tarefa simples. O objetivo dessa escrita é apenas contar e defender essa minha nova descoberta.

Cozinhar nunca foi algo simples para mim. Tive facilidades e dificuldades em aprender muitas coisas na minha vida, mas as tentativas de preparar qualquer prato sempre foram no mínimo frustrantes. O primeiro arroz virou uma clássica “papa”. O primeiro bolo foi esquecido no forno. Erros clássicos de principiante. Mas já adulta, comecei a tentar entender essa arte que para mim sempre foi mistério. O arroz ainda variou por um tempo entre “papa” e “duro”. E não cozinhava feijão por medo da panela de pressão.

Apesar disso, o autoconhecimento de não ser chefe de cozinha não me impediu de tentar preparar uma comidinha mais elaborada. Um escondidinho de frango foi o prato escolhido e até que ficou razoável, exceto por ter esperado que o queijo ralado derretesse. Outro fator importante nessa trajetória de entender-se com a cozinha: dificuldade em não compreender receitas. Nunca consigo segui-las ao pé da letra e, junte à isso a falta de experiência, pronto, o estrago gastronômico está feito.

Embora tenha esse histórico triste no setor culinário, há poucas semanas, por força maior, tive de voltar à cozinha para preparar almoços e jantas, comidinha simples, mas saborosa. Senti certo receio, mas aos poucos percebi que fazer o básico é mais fácil e tem mais chances de dar certo. Assim, tenho feito arrozes soltinhos e cozidos, perdi o medo da panela de pressão (embora eu ainda não saiba fazer a pressão da panela sair antes de abrir) e descobri que adoro usar temperos.

Ainda não consegui preparar o tal bolinho de arroz, mas a cada dia que passa adquiro experiência, gosto mais de cozinhar e sinto ainda mais admiração por aqueles que desempenham, de fato, essa arte. Saborear uma comidinha bem preparada é maravilhoso, e ser capaz de fazê-la e postá-la na mesa para aqueles que se ama, é ainda melhor. Realmente cozinhar, embora canse bastante, é um ótimo hobby. Espero ainda fazer muitas descobertas nessa área e indico à outras pessoas a se aventurarem nessa arte.


*Acesse essas dicas que podem facilitar a vida de cozinheiros amadores: http://blogs.estadao.com.br/paladar/e-tudo-truque/

You Might Also Like

0 Palpites

Comente, crítique, reclame, elogie, concorde ou discorde. Mas deixe sua opinião!!